Data de pagamento do Bolsa Família: calendário 2024

Você já sabe qual a data de pagamento do Bolsa Família e como esse calendário é feito?

Anúncios

Segundo a CNN, hoje em dia são pelo menos 56 milhões de brasileiros cadastrados no programa do Bolsa Família.

E é uma iniciativa do governo que tem tirado várias famílias da fome. Continue a leitura deste texto e veja o calendário para os próximos meses.

Como funciona o programa Bolsa Família?

A princípio, o programa Bolsa Família é considerado como o maior programa de transferência de renda do Brasil.

E é conhecido mundialmente por tirar milhares de famílias da situação de fome e extrema pobreza em nosso país.

Anúncios

O Governo Federal lançou esse programa com mais proteção para as famílias, por meio de um modelo de benefício que leva em conta o tamanho e as condições familiares.

Por exemplo, famílias com 3 ou mais pessoas podem receber uma quantia maior do que quem mora sozinho.

Nesse sentido, além de garantir a renda básica para as famílias em condições de pobreza, o programa busca integrar políticas públicas.

O intuito é fortalecer e viabilizar o acesso dessas famílias a direitos básicos, como educação e assistência social.

Assim, o Bolsa Família pretende resgatar a dignidade e o direito à cidadania das famílias por meio da atuação em ações complementares e por meio de articulação com outras políticas.

Para a superação da pobreza e transformação social, através da assistência social, esporte, ciência e trabalho, entre outros serviços.

Quem tem direito?

Em suma, para ter direito a esse benefício, a regra principal é que a renda de cada integrante da família seja de no máximo 218 reais mensais.

Ou seja, se um membro da família recebe até 1 salário mínimo, e nessa família existem sete pessoas, fazendo um cálculo simples, a renda de cada pessoa é de 201,71 reais.

Assim, a família se encaixa por está abaixo do limite de 218 por indivíduo, ou seja, essa família tem direito a receber o bolsa família.

Data de pagamento do bolsa família: como receber?

A princípio, é necessário estar inscrito no Cadastro Único, e você deve fornecer os dados corretos e atualizados.

Em suma, o CadÚnico é um imenso mapa de grande parte do lares de baixa renda do Brasil.

Ele informa ao governo qual a real situação das famílias e como elas estão vivendo e do que necessitam para melhorar suas vidas.

É importante estar cadastrado no CadÚnico, para além de receber o bolsa família, ter acesso a outros benefícios do governo.

O cadastro no bolsa família é realizado em pontos de atendimento da assistência social dos municípios, como o CRAS, você terá mais informações a seguir.

Dessa forma, mensalmente o bolsa família identifica, de forma automatizada, quais famílias serão incluídas e quando começarão a receber o benefício.

+ Você sabe como cancelar o recebimento do Bolsa Família? Descubra lendo nosso conteúdo!

Data de pagamento do bolsa família: onde se cadastrar?

O cadastro no programa é feito de forma presencial no CRAS que é o Centro de Referência de Assistência Social.

Dessa forma, é necessário levar ao CRAS o RG ou CPF de cada membro da família, fazer uma entrevista para finalizar a inscrição.

Essa entrevista ajuda a avaliar a verdadeira situação socioeconômica da família, e fazer perguntas sobre, saúde, renda, educação e composição familiar, entre outras questões.

Além disso, como já foi citado, é importante e obrigatório fazer o cadastro no CadÚnico, o qual é o sistema que contem informações sobre as famílias de renda baixa.

Em suma, a pré-inscrição no Cadastro Único pode ser feita de forma simples, por meio do site ou pelo aplicativo do CadÚnico.

Em seguida, depois do acesso, clique em “Pré-cadastro”, forneça seus dados familiares e finalize a pré-inscrição no Cadastro Único.

Todavia, para finalizar a inscrição, será necessário ir até um posto do CRAS ou outro órgão responsável, caso não tenha CRAS na sua cidade.

As informações sobre esse posto pode ser solicitada na prefeitura do seu município.

Lembre-se, de manter seus dados sempre atualizado, e caso haja alguma mudança de renda ou contexto familiar, é obrigatório atualizar os dados a cada 2 anos, para manter o benefício.

Data de pagamento do Bolsa Família: calendário 2024

Data de pagamento do Bolsa Família: calendário 2024

O calendário de pagamentos do programa Bolsa Família em 2024 terá a ordem de pagamento levando em conta o Número de Identificação Social, o NIS da cada beneficiário.

Em suma, os pagamentos serão feitos sempre de segunda a sexta e em dias úteis, a dinâmica de pagamentos não mudaram no ano de 2024.

Assim, as parcelas para as pessoas vão continuar sendo liberadas sempre nos últimos dez dias úteis de cada mês.

O programa prevê o pagamento de no mínimo 600 reais por família, e os adicionais de:

  • 150 reais por criança de até 6 anos;
  • 50 reais para gestantes, crianças e adolescentes de 7 a 17 anos.

Veja as datas de depósitos:

  • janeiro 18 a 31 de janeiro
  • fevereiro 17 a 28 de fevereiro
  • março 18 a 31 de março
  • abril 17 a 30 de abril
  • maio 18 a 31 de maio
  • junho 17 a 28 de junho
  • julho 18 a 31 de julho
  • agosto 17 a 30 de agosto
  • setembro 18 a 29 de setembro
  • outubro 18 a 31 de outubro
  • novembro 18 a 29 de novembro
  • dezembro 18 a 23 de dezembro

Aqui, há o calendário em PDF com mais informações.

Conclusão

É importantíssimo saber a data de pagamento do Bolsa Família para que você e sua família não fique sem o benefício.